post

Python pt-br:Instalacao

Se você já tem o Python 2.x instalado, não é preciso removê-lo para instalar o Python 3.0. Você pode manter ambos instalados ao mesmo tempo.

Contents

Para usuários Linux e BSD

Se você está usando uma distribuição Linux como Ubuntu, Fedora, OpenSUSE ou {coloque sua escolha aquí}, ou um sistema BSD tal como FreeBSD, então é provável que você já tenha o Python instalado em seu sistema.

Para testar se o Python já está instalado em seu Linux, abra um shell (como konsole ou gnome-terminal) e então entre com o comando python -V como mostrado abaixo:

   $ python -V
   Python 3.0b1
Nota
$ é o prompt do shell. Ele será diferente para você dependendo das configurações do seu sistema operacional, portanto eu indicarei o prompt apenas pelo símbolo $.

Se você vê alguma informação sobre a versão, como mostrado acima, então o Python já está instalado.

Contudo, se você obter uma mensagem como esta:

   $ python -V
   bash: Python: command not found

Então o Python não está instalado. Isto é altamente improvável, mas é possível.

Neste caso, você tem dois meios para instalar o Python em seu sistema:

  • Você pode compilar o código fonte do Python e então instalá-lo. As instruções para a compilação são informadas no website do Python.
  • Instalar os pacotes binários usando um gerenciador de pacotes que vem com o seu sistema operacional, tal como apt-get no Ubuntu/Debian e outros Linux baseados em Debian, yum no Fedora, pkg_add no FreeBSD, etc. Você precisará de uma conexão com a internet para usar este método. Uma alternativa é baixar os binários de algum outro lugar e então copiá-los e instalá-los em seu PC. [Esta opção estará disponível após o lançamento final do Python 3.0]

Para usuários Windows

Visite o site http://www.python.org/download/releases/3.0/ e baixe a última versão, que era a versão 3.0 beta 1, quando este livro foi escrito. Ele tem apenas 12.8 MB, o que é bem compacto quando comparado com a maioria das outras linguagens ou programas.

Cuidado
Quando for dada a opção para você desmarcar componentes opcionais, não desmaque nenhum! Alguns destes componentes podem ser úteis para você, especialmente IDLE.

Um fato interessante é que usuários Windows são os que mais baixam os arquivos do Python. É claro que isso não fornece uma visão geral, uma vez que quase todos os usuários Linux já têm o Python instalado por padrão em seus sistema.

Prompt do DOS

Se você quer ser capaz de usar o Python da linha de comando do Windows, i.e. o prompt do DOS, então você precisa configurar a variável PATH corretamente.

Pra usuários Windows 2000, XP ou 2003, clique em Painel de Controle -> Sistema -> Avançado -> Variáveis de ambiente. Clique na variável chamada PATH na seção ‘Variáveis de Sistema’, então selecione Editar e adicione;C:Python30 no fim do que já estiver lá. É claro que você deve usar o diretório correto onde você instalou o Python.

Para versões antigas do Windows, adicione as seguintes linhas no arquivo C:AUTOEXEC.BAT: 'PATH=%PATH%;C:Python30' (sem as aspas) e reinicie o sistema. Em Windows NT use o arquivo AUTOEXEC.NT.

Para usuários MAC OS X

Usuários Mac OS X já encontrarão o Python instalado em seu sistema. Abra o Terminal.app e rode python - V, e siga os conselhos da seção para usuários Linux.

Sumário

Em um sistema Linux, é provável que você já tenha o Python instalado. Caso contrário, você pode instalá-lo usando o gerenciador de pacotes que vem com sua distribuição. Em um sistema Windows, instalar o Python é tão fácil como baixar o instalador e clicar duas vezes sobre ele. Daqui para frente nós assumiremos que você já está com o Python instalado em seu sistema.

A seguir nós escreveremos nosso primeiro programa em Python.


Advertisements